©2018 by Eté.

Design Isabela Avellar

Boulos: O Estado do Rio de Janeiro gastou R$2470 em 2017 em informação e inteligência e milhões de reais em tiro, porrada e bomba

August 27, 2018

 

 

Em seu Twitter, o candidato a presidente Guilherme Boulos afirmou que "O Estado do Rio de Janeiro gastou R$2470 em 2017 em informação e inteligência e milhões de reais em tiro, porrada e bomba".

 

 

 

A Eté checou:

 

 

 

No Portal da Transparência a informação consta que o investido em 2017 na área "Informação e Inteligência" dentro da pasta foi de R$ 2469, 50. Confira aqui o site:

 

 

Entramos em contato com a Secretaria de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro, que informou em nota que houve um aporte de R$15,2 milhões. No entanto, não são esses os dados públicos para consulta. 

 

Segue a nota:

 

"A Secretaria de Estado de Segurança esclarece que, no período de 2010 a 2017, houve um aporte de cerca de 15,2 milhões de reais em Inteligência. O valor contribui não só para aquisição de equipamentos e na manutenção de serviços essenciais, como no acompanhamento sistemático de ações que resultaram, por exemplo, na apreensão recorde de 499 fuzis ao longo do último ano, assim como na prisão de Marcelo Fernando Pinheiro Veiga, o Marcelo Piloto, em dezembro último. O maior fornecedor de armas, munições e drogas do país foi preso em uma operação conjunta da Subsecretaria de Inteligência (Ssinte), da Secretaria de Estado de Segurança, com a Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai (Senad), a Polícia Federal do Brasil, a Polícia Nacional do Paraguai e a Agência Antidrogas Americana (DEA), em Assunção. A Ssinte e as inteligências das polícias Civil e Militar prestam informações sobre a localização de criminosos e armamentos para outras forças vinculadas ao Sistema de Inteligência de Segurança Pública do Rio de Janeiro (SISPERJ), tendo um trabalho essencial em investigações nacionais e internacionais".
 

 

 

Please reload

Posts Recentes

Please reload

Arquivo

Please reload

Tags

Please reload